Ex-ministro petista, Miguel Rossetto é exonerado do conselho do BNDES 

De acordo com o jornal Valor Econômico, o governo exonerou hoje o ex-ministro petista Miguel Rossetto. Ele exercia o cargo de membro do Conselho Administrativo do BNDES.

A exoneração ocorre cinco meses depois que Rossetto deixou o comando do Ministério do Trabalho, em 12 maio, com a decisão do Senado pelo afastamento da ex-presidente Dilma Rousseff. A informação foi publicada nesta segunda-feira no Diário Oficial da União. O ato é assinado pelo presidente da República em exercício, o presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia.

Anúncios

2 comentários sobre “Ex-ministro petista, Miguel Rossetto é exonerado do conselho do BNDES 

Deixe uma resposta