andre-petry

Revista Veja lança matéria desonesta para atacar MBL: simularam que o movimento “elegeu poucos candidatos”

A Revista Veja lançou uma matéria extremamente desonesta para atacar o movimento MBL. O jornalista – cujo nome é Felipe Frazão – utilizou a técnica de ressignificação para fingir que o sucesso do movimento nas eleições seria um fracasso.

Por exemplo, Frazão escreveu: “Uma das organizações que liderou os protestos pró-impeachment e contra a corrupção, o Movimento Brasil Livre (MBL) fracassou em 82% das tentativas de eleger representantes em sua primeira participação nas eleições. Foram oito candidatos eleitos e 36 não eleitos em todo o país. Em compensação, conseguiu um prefeito e sete vereadores, sendo dois deles em capitais.”

Porém, ter eleito 18% dos representantes é o indicador de sucesso. Outra comprovação de que a matéria é desonesta está no fato de que ele não apresentou um comparativo de agremiações e representantes eleitos. O leitor fica se questionando: se a taxa do MBL foi de 18% de eleitos, qual teria sido a taxa dos demais grupos que apoiaram candidatos? Qual o percentual de candidatos eleitos dentre todos apoiados pela CUT ou MST?

Outra informação desonesta se encontra a seguir: “O MBL não é um partido, mas indicou como seus representantes 44 candidatos – um deles a prefeito, e os demais a vereador. O levantamento considera apenas a lista divulgada oficialmente no site do MBL, apesar de integrantes do movimento terem entrado na campanha de outros candidatos, como o prefeito eleito de São Paulo João Doria (PSDB) – o tucano não foi indicado como integrante do grupo.”

Esse recurso chama-se “distinção de emergência”. Frazão inventou uma regra aleatória para tentar tirar o mérito do apoio do MBL não apenas a João Doria como também a Nelson Marchezan Jr., em Porto Alegre.

A Revista Veja tem reduzido suas críticas ao projeto totalitário de poder desde a entrada de André Petry no cargo de chefia. Uma demonstração disso é que atualmente as maiores denúncias contra o bolivarianismo surgem das revistas Istoé e Época.
Até o momento, o site da Revista Veja ainda não publicou as taxas de sucesso de candidatos eleitos de outras agremiações da sociedade civil organizada, a título de comparação com a alta taxa de sucesso de 18% do MBL.

9 comentários sobre “Revista Veja lança matéria desonesta para atacar MBL: simularam que o movimento “elegeu poucos candidatos”

  1. Embora eu seja assinante da Veja, já reparei que de uns tempos pra cá, ela mudou sua linha editorial, e dispensou de seus quadros, gente como a Joice H. e o Villa.Não tenho lido os últimos números e estou inclinado a cancelar minha assinatura.

    Curtir

    1. NÃO RENOVEI A ASSINATURA DA VEJA DE MAIS DE 30 ANOS, COM A ENTRADA DO ANDRÉ PETRY E DEMISSÃO DA JOYCE E VILLA. QUANDO VENCER A SAÚDE, TAMBEM NÃO RENOVAREI. A ISTO É ESTÁ MELHOR E ESTOU PENSANDO EM IR PARA LÁ.!!!.

      Curtir

  2. bom eu como nunca fui e nunca serei assinante de uma porcaria como essa. ela pode escrever e mentir o quando queira ,eu nunca vou ler mesmo. inocente é a pessoa que continua assinante um lixo desses, e deixando o seu dinheiro lá para depois ler mentiras. credooooo.

    Curtir

  3. Esse pessoal da direita facista é muito gozado, idolatravam, amavam, só faltava beijar o editores, colunistas e os donos da revista VEJA, é muita hipocrisia…

    http://g1.globo.com/sao-paulo/eleicoes/2016/noticia/2016/10/ministerio-publico-pede-inquerito-policial-contra-fernando-holiday.html

    04/10/2016 11h34 – Atualizado em 04/10/2016 14h06
    Ministério Público pede inquérito policial contra Fernando Holiday
    Vereador eleito pelo DEM pediu votos no dia das eleições pelo Facebook.
    Advogado diz que lei permite propaganda na internet.

    Curtir

  4. Depois de anos assinando veja, tive o gosto de NÃO RENOVAR e dizer o motivo, pois são insistentes, demitiram vários jornalistas que eu respeitava, então fiquem com Frazão, Petry, etc. Sou MBL, Moro, Deltan, e todos que lutam por um país melhor.

    Curtir

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s