tico

OAB-PE pede a prisão da presidente do Sindicato dos Bancários por descumprimento de lei

A Ordem dos Advogados do Brasil do Estado de Pernambuco entrou na Justiça no dia de hoje para pedindo a prisão de Suzineide Rodrigues, presidente do Sindicato dos Bancários de Pernambuco. A OAB também solicita o aumento da multa diária de R$ 10 mil imposto pela justiça ao sindicato para R$ 100 mil. Os bancários estão em greve há 23 dias. É a terceira paralisação mais longa da história.

A OAB-PE entrou com ação após o Comando Nacional dos Bancários recusar o acordo com a Federação Nacional dos Bancos (Fenaban), em São Paulo. Essa é décima rodada de negociação, que começou com a entrega da pauta de reivindicações dos grevistas no dia 9. A OAB já havia entrado na Justiça para que o sindicato cumprisse a lei, que determina que ao menos 30% das agencias permaneçam em funcionamento. Suzineide desafiou a Justiça, e anda declarando que mais de 90% das agências do estado ficarão fechadas até que as exigências do sindicato sejam atendidas.

Segundo informações do Diário do Pernambuco, os bancários presentes na última assembleia decidiram rejeitar à convocação dos funcionários que estão em exercício em greve para realizar a quitação de alvarás na agencia Aeroporto, como requer a OAB. Quem vence uma ação na Justiça precisa dos alvarás para ter acesso ao depósito judicial. Além da OAB, o Tribunal Regional do Trabalho(TRT), também determinou Federal o funcionamento da agência Aeroporto para pagamento dos alvarás.

A presidente do sindicato afirmou que os banqueiros enfrentam “uma aliança entre banqueiros e o governo Temer”. Em seu Facebook, ela escreveu:

A greve continua por culpa dos banqueiros, que estão politizando o debate, quando insistem em manter uma proposta rebaixada de 7%, quando todos os dados apresentanto (sic) por eles nos balanços(sic) dos bancos, demonstram o seus lucros exorbitantes. Se a questão não(sic) é de ordem econômica então, a única explicação é politica(sic), a vontade de massacrar e prejudicar os bancários. Numa aliança clara com o governo Temer! Numa tentativa de enfraquecer o movimento. A greve continua forte!

A greve dos bancários é um movimento golpista, que pretende causar conflitos na sociedade para desestabilizar o governo. Entre os movimentos de extrema-esquerda que participam da greve estão a CUT, a Conlutas e CTB. Os líderes da paralisação são todos apoiadores do governo da presidente cassada Dilma Rousseff e do Partido dos Trabalhadores.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s