Gleisi Hoffmann tenta se defender usando poema de Cora Coralina

Após a decisão da segunda turma do Supremo Tribunal Eleitoral que aceitou a denúncia contra Gleisi Hoffmann e seu marido Paulo Bernardo, a petista citou um poema de Cora Coralina em seu Facebook para se defender das acusações de corrupção, incluindo recebimento de propina oriunda do esquema criminoso operado pelo Partido dos Trabalhadores na Petrobras.

tico.jpg

Os usuários não perdoaram a senadora. Vários lembraram da atuação de Gleisi na chamada “Bancada da Chupeta”, enquanto outros lembraram que Gleisi acusou os colegas de Senado de “não terem moral para julgar Dilma Rousseff”. Um deles comentou: “De moralista no Senado, a réu na Operação Lava Jato!!!! Nossa seu dia deve estar maravilhoso!!! E claro vc está sendo vítima como o Lula e seu marido!”.

O marido de Gleisi já foi preso na Operação Custo Brasil, mas conseguiu ser libertado após habeas corpus concedido pelo ministro do STF Dias Toffoli. Se condenada, Gleisi pode ter o mandato cassado. Uma vez fora do Senado, a senadora passará a responder por seus crimes em Curitiba na vara do juiz Sérgio Moro. A estratégia da defesa de Gleisi e Paulo Bernardo no STF é dizer que “as delações que denunciaram os crimes do casal são contraditórias”.

Anúncios

3 comentários sobre “Gleisi Hoffmann tenta se defender usando poema de Cora Coralina

  1. As delações que denunciaram os crimes do casal realmente são contraditórias!!!!
    Todas as delações e provas recolhidas nas operações da Polícia Federal são contra eles, ou seja muito Contraditórias. kkkkkkkk.
    Que cara de Pau!!!!!
    Cadeia para essa Quadrilha é Pouco!!!

Deixe uma resposta