Renan vai para o olho do furacão: é novo alvo da Lava Jato

O presidente do Senado, Renan Calheiros, será o novo algo da Operação Lava-Jato, o que de certo modo explica o motivo de tanta preocupação por parte dele em relação aos últimos passos da Polícia Federal e do Ministério Público Federal.

O ministro do STF Teori Zavascki autorizou a inclusão de 9 termos da delação de Sérgio Machado (ex-presidente da Transpetro) em um inquérito contra Renan e Aníbal Gomes. O presidente do Senado já responde por outros oito inquéritos na Lava-Jato. Ele é investigado por formação de quadrilha, corrupção passiva e lavagem de dinheiro.

O ex-presidente da Transpetro  afirmou ter repassado R$ 32 milhões ao senador. De acordo com a delação, pagamentos de R$ 300 mil eram feitos mensalmente a Renan. Machado disse que Renan “precisava manter sua estrutura nas bases políticas” e, por isso, teria pedido sua “colaboração”.

Anúncios

11 comentários sobre “Renan vai para o olho do furacão: é novo alvo da Lava Jato

  1. O STF precisa dá exemplo de honra . Deve começar mesmo atrasada a julgar e condenar todos esses implicados na Lava Jato e demais operaçoes fraudulentas. O juiz Sergio Moro so pode por na cadeia aqueles sem foro privilegiado. A maior parte da quadrilha está nas mãos do STF.

    1. Pra mim esse é um dos maiores corruptos q o Brasil já teve. Todo cuidado com ele é pouco pq age nos bastidores, na surdina e sempre por trás de alguém. Até o STF tem que ficar esperto e firme pq ele sabe ludibriar a todos.

  2. O Brasil só vai prosperar de verdade, quando fizermos reformas em vários setores, nas precisamos começar com a reforma política. Gostei muito do pronunciamento do senador Ricardo Ferraco, dizendo dos partidos políticos. Acho que tínhamos que diminuir para no máximo 5 (cinco)isso eu dizendo. Esperava ouvir do Senador ou de deputados alguma iniciativa no sentido de diminuir as mordomias dos senadores e dos deputados, é muita farra com o dinheiro do contribuinte , isso precisa ser revisto. Coloquem a mão na consciência.

  3. O QUE COMENTAR ? COMENTA-SE UMA POSIÇÃO DIVERGENTE A UMA POSIÇÃO POLÍTICA , MAS COMENTAR QUE POLÍTICOS PRESIDENTES DO SENADO E DA CÂMARA TENHAM RECEBIDO PROPINAS PARA NÃO INTERFERIR EM NEGOCIATAS QUE VISARAM O ASSALTO AOS COFRES PÚBLICOS É PEDIR QUE SE DIGA QUE ÁGUA NÃO É ÁGUA , QUE VINHO NÃO É VINHO . CERTAS CONDUTAS EM PAÍSES DA ANTIGUIDADE ERAM PASSÍVEIS DE PENA MÁXIMA . MAS , QUANDO UM POLÍTICO SE JULGA O TODO PODEROSO E PESSOALMENTE DONO DAS RIQUEZAS DA NAÇÃO O ÚNICO COMENTÁRIO POSSÍVEL É DE IMPLORAR A DEUS PARA QUE O BRASIL COM A AJUDA DIVINA POSSA SOBREVIVER DESSA CATERVA DE LARÁPIOS QUE COSTUMA FRUTIFICAR NOS EXCESSOS DE PODER DO REGIME PRESIDENCIALISTA . HAJA VISTO OS FRUTOS DO PRESIDENCIALISMO NOS GOVERNOS DA AMÉRICA LATINA .

  4. não vejo a hora deste cara ir para cadeia,pois sempre faz algo para atrapalhar a lava jato, e também manipulou, o impeachment deixando dilma com seus direitos políticos, sem falar no projeto de lei que esta desesperado para provar , tentando salvar a propiá pele e dos outros amiguinhos

Deixe uma resposta