Relembre o caso Francenildo, o mais escandaloso e desumano episódio envolvendo Palocci

O episódio mais escandaloso envolvendo o ex-ministro petista Antonio Palocci talvez nem seja propriamente os diversos escândalos de corrupção, mas sim a forma desumana com que ele e os agentes do Partido dos Trabalhadores se lançaram contra um humilde caseiro nordestino de nome Francenildo dos Santos Costa. Com a prisão do petista pela força-tarefa da Operação Lava Jato, o caso da violação de sigilo do caseiro volta à tona como o episódio mais desumano envolvendo Palocci.

O jovem nordestino era caseiro da “República de Ribeirão”, residência no Lago Sul em Brasília. O local era frequentado por figurões do PT, a maioria deles ligados a Antônio Palloci desde seus tempos de Ribeirão Preto. A casa era palco de orgias com prostitutas, consumo de drogas ilícitas e local de reuniões onde políticos, lobistas, empresários negociavam trocas de vantagens envolvendo recursos públicos.

Convocado pela CPI dos Bingos, Francenildo confirmou ter visto o então ministro frequentando a mansão. O caseiro também afirmou que Palocci participava de reuniões de lobistas, além de participar das festas da “República de Ribeirão”. Graças a uma liminar expedida pelo Supremo Tribunal Federal a pedido do senador Tião Viana, o depoimento na CPI foi anulado.

Passado alguns dias de manobras petistas e especulações, a Caixa Econômica Federal vazou um extrato bancário com a movimentação financeira de Francenildo. O PT passou a usar a quantia de R$ 24.990,00, que estava na conta do caseiro para acusa-lo de ter recebido dinheiro da oposição para acusar Palocci. No entanto, o dinheiro havia sido uma doação feita pelo pai biológico do caseiro. Quando o pai descobriu a paternidade, resolveu ajudar o filho. O pai era um agricultor piauiense. Casado e com filhos, também acabou exposto pela mídia. Para veicular as acusações na mídia, Palocci contou com o apoio de jornalistas petistas Helena Chagas e Marcelo Netto.

A vingança de Palocci ainda contou com a colaboração do então presidente da Caixa Jorge Mattoso, que foi indiciado pela Polícia Federal pela quebra do sigilo. O escândalo tomou proporções ainda maiores após a revista Veja publicar uma matéria denunciando que haviam nomes do governo oferecendo R$ 1 milhão para que algum funcionário do banco público assumisse a culpa pelo crime. O escândalo acabou com a demissão de Antonio Palocci em 27 de março de 2006.

Apesar da demissão, ninguém foi criminalmente responsabilizado pelo vazamento. Menos de um ano do vazamento, a jornalista Helena Chagas foi convidada para participar da equipe da recém criada EBC, emissora pública criada por Lula. Como se não bastasse, ainda foi nomeada Secretária da Comunicação Social no governo Dilma Rousseff em 2010. Palocci também voltou ao governo em 2010, como Ministro da Casa Civil de Dilma. Em 2015, o Tribunal Regional Federal da 1ª Região condenou a Caixa a indenizar o caseiro em R$ 400 mil, depois de várias manobras do departamento jurídico do banco.

Anúncios

20 comentários sobre “Relembre o caso Francenildo, o mais escandaloso e desumano episódio envolvendo Palocci

    1. Tenho certeza que este cara de pau tenha escondido o dinheiro em algum banco internacional.deveriam ter tido a sensatez na época do escãndalo do garoto ,já era pra ter bloqueado os bens deste déspota. Mas as vezes o STF .atrapalha. ou tem algo a esconder.

    2. Quero mais que essa corja toda se ferre!
      Pra melhorar ainda mais, era bom que houvesse um boicote monstro nas próximas eleições, para mostrar para todos que não aguentamos mais isso!

    1. Não tem um da merenda ? quer pior que isso? mas você tem, já que ninguém vai ser sequer indiciado. e os coxinhas, analfabetos políticos, nem se importam, afinal são do PSDB? não torça para o pior. O PT, pelo menos são perseguidos, presos sem provas e condenados. mas quando terminarem com os petistas, vai sobrar para os outros. é isso mesmo, a porra do judiciário é uma merda quando está contra a gente. espere e verá.

  1. A justiça vai levar toda essa cambada de ladrões pra cadeia e queria ver eles devolver os valores para que nossos filhos tenha um país diferente como mas saúde e educação e segurança e empregos meu sonho👏👏👏👏👏

  2. Estou encantada com este Brasil novo , onde os ” mal feitos” começam a ser chamados por seu verdadeiro nome: CRIMES. E como CRIMES começam a ser punidos. Tudo isso pela obstinação por Justiça do Juiz SÉRGIO MORO ,a dedicação implacável da Polícia Federal, a seriedade da Procuradoria da República , o trabalho idôneo do STF, onde destaco o Ministro Teori Zavaski, que vem fazendo julgamentos estritamente técnicos e apartidários, porisso nem sempre nos agradando , porque não somos assim tão imparciais e porque temos pressa e muita gana de lavar o Brasil a jato : Lava-Jato!. E a troca do Levandoski pela honrada Presidente Carmem Lucia tb nos enche de confiança.. Mas a plena recuperação política e econômica do Brssil , virá somente das urnas de 2018.,desejo e espero. Pois acho que ( quase) todos aprenderam a lição !

  3. Cuidado com nosso idioma: …HAVIA nomes do governo oferecendo R$ 1 milhão…
    Não se usa o plural do verbo haver, (HAVIAM, neste caso) quando o verbo haver tem sentido de existir. De resto, quero que esse bandido se ferre.

  4. Desde aquela época que estourou esse caso do caseiro Francenildo ja me senti indignada com o encerramento da CPI, a verdade demira mais não falha graças s Deus as podridões do PT estão vindo a tona, e vai vir muito mais….viva a Lava Jato!!

  5. Lei da semeadura:

    Pv. 22.8 O que semear a perversidade segará males; e com a vara da sua própria indignação será extinto.

    Gl. 6.7 Não erreis: Deus não se deixa escarnecer; porque tudo o que o homem semear, isso também ceifará.

    É assim será em todos os casos e com todos que erraram, mentem a respeito e não se arrependem.

  6. Brasileiros e estrangeiros existe um grupo terrorista na justiça de Pernambuco tjpe, mppe e defensoria pública para que seja encoberto um crime de latrocínio de idosa incapaz, mãe, devido ao golpe ou roubo da facepe e finep der certo desde 2010 em Recife Pernambuco.

  7. O mais importante de tudo é esclarecer o caso Celso Daniel assassinado e até hoje não foi esclarecido, foram 9 possíveis testemunhas que morreram, falta o Capo de Tutti Capo e mais 1. Apostem quem será!!?????.

Deixe uma resposta