Petista Paulo Pimenta cria mentira vergonhosa para fingir que Moro é do STF

O deputado federal petista Paulo Pimenta emitiu uma narrativa vergonhosamente falsa nas redes sociais.

Em sua página de Facebook, ele maquiou a legislação brasileira para fingir que o juiz federal Sérgio Moro tem a mesma alçada dos ministros do STF.

Como se sabe, a legislação brasileira prevê que deputados e senadores possuem foro privilegiados e, portanto, só podem ser julgados pelo STF. Assim sendo, Moro só tem alçada para julgar pessoas como Lula e Mantega, que já não ocupam cargos políticos, mas não pode fazer o mesmo com Dilma, Gleisi, Aécio e outros.

Ciente disso, Pimenta divulgou a mentira abaixo:

_________pimenta

Aliás, a imagem acima também comprova uma mentira, pois se Eduardo Cunha está solto, Lula também. Segundo Pimenta, Lula seria “perseguido”, mas Cunha também poderia emitir a mesma narrativa.

De qualquer forma, Aécio, Romero e Temer não poderiam ser julgados por Moro.

Resta saber se Paulo Pimenta será processado por tão grave crime de calúnia.

Anúncios

10 comentários sobre “Petista Paulo Pimenta cria mentira vergonhosa para fingir que Moro é do STF

  1. e estas pessoas que se dizem representante do povo a muito tempo perdeu a moral o respeito por nós fizeram fazem de tudo de bom samaritano são fanaticos pelo seu maior rato que o nosso pais já teve fanatismo como pt pc e etc nós deixem em paz.

Deixe uma resposta