Moro bloqueia bens de Mantega e demais investigados na Arquivo X

O juiz federal Sérgio Moro ordenou o bloqueio preventivo das contas bancárias e de investimentos de oito investigados na 34ª fase da Operação Lava Jato, batizada Arquivo X. Ao todo, R$ 10 milhões de reais ficam congelados. Entre os atingidos, está o ex-ministro da Fazenda Guido Mantega.

A medida foi solicitada pelo Ministério Público Federal, que pretende garantir o ressarcimento de valores roubados aos cofres públicos em caso de condenação.

Mais cedo, o ex-ministro chegou a ser preso pela Polícia Federal. O pedido de prisão se baseou em depoimento espontâneo do empresário Eike Batista, ex-presidente do Conselho de Administração da petroleira OSX. Eike afirmou aos investigadores de Curitiba que em novembro de 2012, o então ministro Guido Mantega pediu R$ 5 milhões de doação para o PT.

O valor foi então repassado ao PT por meio de um contrato falso firmado pela OGX com empresa ligada a publicitários João Santana e Mônica Moura. O relato de Eike bate com o que já foi relatado por Mônica Moura em sua delação. A prisão pegou o PT de surpresa, já que a confissão espontânea de Eike não estava no radar dos petistas.

Anúncios

2 comentários sobre “Moro bloqueia bens de Mantega e demais investigados na Arquivo X

  1. Excelentíssimo Juiz por favor coloque Lula ; Dilma ;e todos os ladrões que roubaram o nosso País; nos deflagaram nos deixando dessa forma ….. .obrigado Deus o proteja e guarde .

  2. Excelentíssimo Sr Dr.Sergio Moro ..Eu e o Brasil estamos agradecidos pelo seu empenho de grades e este bando de canalha…Porem nossa sede maior e toda a cúpula do PR onde LULA governa a magia.. .Precisamos nos empenhar mais e agilizar mais para que este criminoso seja preso o mais rápido possível.. .Que Deus lhe proteja sempre

Deixe uma resposta