Terrorista Battisti tem pedido de habeas corpus negado pelo STF, e pode ser deportado a qualquer momento

Passado o impeachment, o terrorista italiano Cesare Battisti passou a considerar a hipótese de que o novo presidente Michel Temer não fosse tão companheiro como Dilma Rousseff e Lula. Como sua situação está irregular, Battisti entrou com habeas corpus preventivo para evitar a deportação. O pedido foi negado pelo ministro do Supremo Tribunal Federal Luiz Fux, e pode ser preso e deportado a qualquer momento.

Os temos de Battisti são consistentes, já que em fevereiro de 2015 o Ministério Público Federal questionou a permanência do italiano no país, já que sua situação irregular não fazia jus a obtenção de visto permanente. O pedido foi acatado pela juíza Adverci de Abreu, que decidiu pela deportação.

A juíza Adverci pediu a deportação porque entendeu que a concessão do da permanência pelo presidente Lula foi ilegal, uma vez que Cesare falsificou carimbos para preencher o passaporte.

Filho e Neto de comunistas, Battisti era guerrilheiro do grupo terrorista Proletários Armados pelo Comunismo (PAC). Battisti participou de várias ações terroristas com o grupo de extrema-esquerda, entre os quais constam quatro assassinatos. Lula deixou para conceder o asilo no último dia de seu mandato, gerando grande revolta tanto na Itália quanto no Brasil.

Anúncios

5 comentários sobre “Terrorista Battisti tem pedido de habeas corpus negado pelo STF, e pode ser deportado a qualquer momento

  1. Tenho informação que ele esta casado com uma brasileira e este casamento ocorreu na cidade litorânea de Cananéia em 2015. Como fica a deportação nesta condiçaõ?

    1. O Lula concedeu as benesses de abrigo aqui no Brasil por ser Ele, ” Battisti” Um COMUNISTA TERRORISTA cumpanheiro, tal qual ELE “LULA” . Nada mais a acrescentar.

Deixe uma resposta