Marisa teria contribuído para ocultar triplex, disse Moro

Com lembra o Estadão, ao aceitar a denúncia da Lava Jato contra o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, sua mulher Marisa Letícia e outros seis investigados, o juiz Sérgio Moro afirmou que a ex-primeira-dama teria contribuído para “a aparente ocultação do real proprietário do apartamento” triplex do Edifício Solaris, no Guarujá.

Com toda a razão, isso é mais do que o suficiente para se aceitar uma denúncia contra ela por lavagem de dinheiro. E assim Moro procedeu, aceitando a denúncia.

Moro ainda afirmou há que “dúvidas relevantes” se Marisa tinha conhecimento que os benefícios da OAS, que reformou o apartamento que foi visitado por ela, “decorriam de acertos de propina no esquema criminoso da Petrobrás”.

“Muito embora haja dúvidas relevantes quanto ao seu envolvimento doloso, especificamente se sabia que os benefícios decorriam de acertos de propina no esquema criminoso da Petrobrás, a sua participação específica nos fatos e a sua contribuição para a aparente ocultação do real proprietário do apartamento é suficiente por ora para justificar o recebimento da denúncia também contra ela e sem prejuízo de melhor reflexão no decorrer do processo.”

Marisa foi a responsável por ter assinado o termo de adesão à cota-parte da Bancoop para os interessados em adquirir um imóvel empreendimento do edifício Solaris, que em 2009 foi transferido para a OAS.

A Lava Jato também aponta que a ex-primeira dama visitou o triplex junto com Lula e o ex-presidente da OAS Léo Pinheiro em fevereiro de 2014. Após essa visita foi realizada a reforma no triplex e a compra de eletrodomésticos para o apartamento tudo custeado pela empreiteira.

Anúncios

2 comentários sobre “Marisa teria contribuído para ocultar triplex, disse Moro

  1. Gostaria muito de saber que todos os envolvidos pagasse pêlos crimes que cometeram, apesar que também acho que todas às punições aplicada seria muito pouco. Mas o que me alegra e que existe Deus no céu e deste eles não escapam

Deixe uma resposta