Ligado ao PT, PCO diz que “Lava Jato é operação criminosa e golpista”

No site da Causa Operária – do PCO, Partido da Causa Operária, talvez o mais extremista dos partidos de extrema-esquerda do Brasil – está escrito que “os procuradores simplesmente não conseguiram apresentar uma única prova contra Lula e o PT”, mesmo que eles tenham apresentado quase 300 evidências.

Daí vemos a narrativa delirante de sempre: “Mas os representantes do Ministério Público conseguiram comprovaram uma coisa: que as ações do poder Judiciário estão sendo usadas como meios para uma campanha política de ataques brutais aos direitos da população, tendo como primeiro alvo o próprio dirigente do PT.”

Em seguida, acusam os procuradores de criminosos:” Nesse sentido, ao tentar incriminar Lula e o PT, os procuradores mostraram que os criminosos são eles mesmos. Estão passando por cima de direitos básicos da população, como por exemplo acusar sem ter provas e extinguir o direito de defesa.”

Por fim, retornam ao discurso repetitivo de que “foi acusação sem provas”: “Acusaram sem provas e exploraram de maneira ilegal as acusações para a imprensa, criando o clima de caça às bruxas que os golpistas vem colocando em prática. A Lava Jato comprova mais uma vez ser uma operação criminosa e golpista.”

Mais uma vez, a narrativa petista de que “há um golpe” fica desmoralizada, pois, assim como no processo legal de impeachment de Dilma, ela é utilizada para designar tudo de que os petistas não gostam.

Anúncios

Deixe uma resposta