Elite artística pró-PT vaiam moradores de rua que protestavam contra Haddad

Na noite passada, Fernando Haddad foi forçado a pausar um encontro com artistas na praça Roosevelt, na região central de São Paulo. Ele, que quer se reeleger, sofre alta rejeição, mas o que aconteceu ontem pegou todos de surpresa.

Manifestantes que moram sob um viaduto da Radial Leste, munidos de faixas com críticas ao prefeito, interromperam a “rasgação de seda” para protestar contra Haddad. A situação desagradou a elite artística ali presente, e eles vaiaram os moradores de rua.

O caso é que a prefeitura está desapropriando estes manifestantes do local, deixando-os na rua, e esta não é a primeira vez nos últimos meses. Em agosto, moradores de uma comunidade entraram em confronto com a Polícia Militar e até o ex-senador Suplicy se aproveitou do momento para aparecer, fingindo que não é do mesmo partido de Haddad.

A intervenção desagradou os artistas, principalmente quando um dos moradores de rua chamou o candidato a vereador Suplicy de “lixo”. Entre os “artistas” que participaram do encontro estavam o cartunista Laerte, e as cineastas Laís Bodansky, Ana Muylaert, Tata Amaral e Marina Person.

Anúncios

Um comentário sobre “Elite artística pró-PT vaiam moradores de rua que protestavam contra Haddad

  1. O Laerte perdeu o senso , ser diferente ou o que quer que seja, não justifica jogar a própria inteligência e a dos outros no lixo. Se quer jogar a dele tudo bem mas achar que todos tem que lhe acompanhar é idiotice. Misericórdia para você !!! Bons tempos em que ser rebelde significava usar calça LEE e não perder a inteligência.

Deixe uma resposta