Ainda em negação, Dilma surge para dizer que Lula é inocente em todas as acusações

Acredite se quiser, mas de acordo com nota divulgada nesta noite (e citada pelo Estadão), a ex-presidente golpista Dilma Rousseff considerou “lamentável” a sólida denúncia da força-tarefa da Lava Jato em Curitiba contra o ex-presidente Lula e sua mulher Marisa Letícia.

Sempre em negação da realidade, a bolivariana comparou o caso dele ao processo de impeachment sofrido por ela e disse que a ação judicial tem o objetivo de impedir a candidatura de Lula em 2018.

“Mais uma vez, a democracia é ferida. Mais uma vez, grave injustiça é cometida sem fundamentos reais. Agora, o alvo é o ex-presidente Lula”, afirmou Dilma, dizendo ainda que “é evidente que esta denúncia atende ao objetivo daqueles que pretendem impedir sua candidatura em 2018”.

“Certamente, ele saberá se defender e as pessoas de bem saberão reagir”, concluiu a petista. Não se sabe quando ela vai começar a emitir a narrativa dizendo que “denúncia contra Lula é golpe”.

Anúncios

Um comentário sobre “Ainda em negação, Dilma surge para dizer que Lula é inocente em todas as acusações

Deixe uma resposta