STF coloca em pauta denúncia contra Gleisi Hoffmann e seu marido Paulo Bernardo

A Segunda Turma do Supremo Tribunal Federal colocou em sua pauta o julgamento da denúncia contra a senadora petista Gleisi Hoffmann, do Paraná.  A petista é acusada de receber R$ 1 milhão do esquema criminoso operado na Petrobras por seu partido. Os valores teriam sido direcionados para sua campanha em 2010. A denúncia atinge ainda o marido de Gleisi, o ex-ministro Paulo Bernardo e o empresário Ernesto Kugler Rodrigues.

O julgamento está marcado para o dia 20 de setembro. O julgamento já havia sido marcado, mas foi adiado por conta do julgamento de Dilma Rousseff no Senado. O marido de Gleisi já é réu por envolvimento no esquema Consist, que corre na 6º Vara Criminal de São Paulo. O ex-ministro foi preso na Operação Custo Brasil, e foi libertado por decisão do Ministro Dias Toffoli.

Nesta nova fase, a denúncia que será analisada é de autoria do Procurador Geral da República Rodrigo Janot. As informações sobre o suposto recebimento de propina tem base nas delações do ex-Diretor da Petrobras Paulo Roberto Costa e do doleiro Alberto Youssef. Se a denúncia for aceita, Gleisi se tornará réu no STF.

Anúncios

Deixe uma resposta