Dilma obrigava funcionários a usarem sapatilha descartável no Palácio da Alvorada

De acordo com o jornalista Murilo Ramos, funcionários da ex-presidente Dilma Rousseff eram obrigados a usar propé nas dependências do Palácio da Alvorada. Propé são aquelas sapatilhas descartáveis utilizadas por enfermeiros em ambientes hospitalares. As informações estão na Coluna Expresso, da Istoé.

A ex-presidente sempre teve um relacionamento difícil com funcionários. Houve até uma ocasião em que teria atirado cabides contra uma camareira que não arrumou os seus vestidos de acordo com o gosto da petista. Quando a cineasta petista Anna Muylaert começou a gravar seu documentário sobre o cotidiano da então presidente durante os minutos finais do impeachment, enfrentou dificuldades para colher depoimentos de funcionários, já que a presidente cassada nunca foi muito popular entre eles.

Outro motivo de desgaste foi quando Dilma desativou a Capelinha do Alvorada para acomodar petistas sem ocupação após o afastamento. Sem espaço físico no Palácio, ela preferiu abriga-los dentro da capelinha para não demiti-los. Entre eles, estava o “Bessias” que levou o termo de posse da Casa Civil ao ex-presidente Lula. Não há confirmação de que seja necessário o uso de propé em qualquer uma das residências oficiais Brasil a fora, e ao que consta, o presidente Temer não pediu que os funcionários mantivessem o costume.

Anúncios

15 comentários sobre “Dilma obrigava funcionários a usarem sapatilha descartável no Palácio da Alvorada

  1. Com certeza é verdade! Tempos atrás circulou uma lista de compra do palácio da Alvorada e a quantidade e fastos com propé era absurda… Agora está explicado!

  2. Impressionante é que ainda têm muitas pessoas que a defendem,e pior ,votariam nela novamente. Até entre meu círculo de amigos e família existem PETISTAS fanáticos! Acho que não querem ver e preferem fechar os olhos e se apegar a alguma banalidade que acham que ela tenha feito de bom! Obs. Não tenho Partido mas sou contra Petrálhas!

    1. Não existe petista fanático.
      Os petistas, na realidade, podem ser assim classificados:
      1) os de pouca instrução por serem de muito fácil manipulação e conquista do voto;
      2) os totalmente burros;
      3) os que enxergam a realidade mas não querem vê-la;
      4) os que têm algum tipo de doença que impede de conhecer a realidade;
      5) os que tiram algum tipo de proveito para si mesmo em detrimento do povo;
      6) os que gostam de serem estuprados e reestuprados.

  3. “Canalhas, canalhas, canalhas”, lembrando frase copiada por Lindberg Farias,, durante votação sdo impedimento da ex presidente e que na realidade se enquadra perfeitamente a essa quadrilha que roubou, saqueouq e pensava que iria se eternizar no comando do Brasil. Lembrando que apesar dos avanços no combate à corrupção, se o cidadão Luís Inacio, que responde pela alcunha de LULA não for preso, sobrará uma frustração, pois eram os seus tentáculos que mantimha essa organização criminosa.

  4. Sinceramente não vejo motivos para esse tipo de comentário.Quem já trabalhou ou trabalha em locais que deva se apresentar sempre “limpo”,essa é uma prática aconselhável.Aí notamos o lado mulher,dona de casa. .. ela tinha que “saber” de alguma coisa..

  5. Eu sempre repugna o PT, pq só me passavam a idéia de anarquia e falta de respeito. Agora com esta roubalheira que chegaram a embora ar o pais neste caldeirão de infortúnio foi demais. Meu pai sempre foi político, meu avô paterno foi deputado constituinte por duas legislatura e sempre me orgulhei disso aqui na cidade de Ubajara-Ce. Mais qdo o Lula foi presidente eu sempre comentava com meu pai, um dia eles irão acabarcom nosso país, e não deu outra. ACABARAM E NÃO QUEREM ADMITIR, HIPÓCRITAS. .!!!.

Deixe uma resposta