Identificado sumiço de ao menos 52 objetos do Alvorada, sob Dilma

Conforme diz o Diário do Poder, foi identificado o sumiço de ao menos 52 objetos do Palácio Alvorada desde quando a ex-presidente golpista Dilma Rousseff o desocupou, em direção a Porto Alegre, segundo fontes próximas ao Planalto e Ministério da Transparência.

Ela terá de devolver todos os objetos à União. Se não o fizer, pode tomar um processo do Tribunal de Contas da União e até da Justiça comum.

A bolivariana começou a mudança para o sul na madrugada de segunda (5).

Não bastasse o desaparecimento de itens pertencentes ao patrimônio público, a mudança ainda custou R$ 75 mil aos cofres do estado.

A coluna ainda lembra que a mudança da golpista Dilma foi modesta para os padrões Lula, que usou 11 caminhões e levou 697 itens que não lhe pertencem, segundo o TCU.

Anúncios

2 comentários sobre “Identificado sumiço de ao menos 52 objetos do Alvorada, sob Dilma

Deixe uma resposta