Cuba bloqueia termos como “democracia”, “greve de fome” e “direitos humanos” em SMS’s

Conforme aponta o Implicante, a blogueira cubana Yoani Sanchez – como sempre, vítima do ódio da extrema-esquerda brasileira por denunciar o regime cubano – e o jornalista Reinaldo Escobar revelaram algo horripilante.

Atualmente o governo cubano tem bloqueado a troca de mensagens de texto que contenham uma lista de 30 palavras chave.

Entre essas palavras, estão “democracia”, “greve de fome” e “direitos humanos”. Informações dão conta que o número já é bem maior do que 30 palavras.

Testes comprovaram que, se o cidadão cubano disparar um SMS com algum dos termos proibidos, a mensagem não é entregue aos destinatários.

 

Anúncios

2 comentários sobre “Cuba bloqueia termos como “democracia”, “greve de fome” e “direitos humanos” em SMS’s

  1. A ilha de Cuba fica bem na rota do CUMBRE DE LA VIEJA. Pobre povo que vive sob a chibata do comunismo. Entretanto é preferível uma morte por afogamento do que viver como um “afogado agoniando”. Que se cumpra a vontade de Dios.

Deixe uma resposta