Policiais atacados por milícias pró-PT são pobres

 

Conforme análise de Vinícius Mota, para a Folha, a decisão dos petistas de atacar os policiais ajuda a desconstruir ainda mais a imagem de “partido dos trabalhadores”.

Segundo Mota, “de cada 100 policiais militares brasileiros, 49 declaram-se pretos ou pardos. Um soldado paulista ganha menos de cinco mínimos mensais. Já protestos de esquerda têm menos pretos e pardos. A renda do militante supera a de uma família chefiada por um soldado PM e, por muito, a de um lar brasileiro típico.”

A conclusão é óbvia: “A elite vermelha pretende falar em nome da maioria da população, mas está distante dela. Policiais, desafiados nas ruas a cada manifestação, estão mais próximos da rotina das classes trabalhadoras.”

Anúncios

3 comentários sobre “Policiais atacados por milícias pró-PT são pobres

Deixe uma resposta