Temer sapateia de novo sobre milicianos violentos: “os 40 que estão quebrando carro?”

Conforme a Jovem Pan, o presidente Michel Temer novamente lembrou que os atos criminosos promovidos por milícias pró-PT contra seu governo são promovidas por grupos mínimos e que possuem caráter antidemocrático por envolverem depredações.

Ele afirma: “O tal do ‘Fora Temer’, tudo bem. É um movimento democrático”, declarou em entrevista na China.

Perguntado se os atos terroristas comprometiam o início de seu governo, Temer insistiu no que considera o caráter inexpressivo das manifestações.

“As 40 pessoas que estão quebrando carro? Precisa perguntar para os 204 milhões de brasileiros e para os membros do Congresso Nacional que resolveram decretar o impeachment”, disse em entrevista a jornalistas brasileiros.

“O que preocupa, isto sim, é que se confunde o direito à manifestação com o direito à depredação.”

Temer também considerou previsível a realização de manifestações, considerando o momento politicamente mais complicado gerado pelo impeachment da ex-presidente golpista Dilma Rousseff.

Anúncios

Um comentário sobre “Temer sapateia de novo sobre milicianos violentos: “os 40 que estão quebrando carro?”

Deixe uma resposta