MBL vai requerer impeachment de Lewandowski

Amparado por diversas evidências – as quais mostram que o presidente do STF participou das tratativas de bastidores que resultaram no fatiamento do julgamento, distinguindo a perda do mandato da inabilitação —, o Movimento Brasil Livre decidiu entrar com uma denúncia contra Ricardo Lewandowski no Senado, requerendo seu impeachment.

Tal procedimento está de acordo com a Alínea 5 do Artigo 39 da Lei 1.079, que prevê essa pena para o titular da Corte que “proceder de modo incompatível com a honra dignidade e decoro de suas funções”.

O fatiamento foi um golpe contra a Constituição, uma vez que viola o Parágrafo Único do Artigo 52. Caso o ministro tenha participado das negociações de bastidores, há toda a razão para seu impedimento. No caso dos ministros do STF, a denúncia deve ser oferecida ao Senado, e é o que o MBL fará.

A decisão cabe unicamente ao presidente do Senado, mas o MBL também estuda uma forma de requisitar a suspeição de Renan, pois, segundo reportagens, ele participou ativamente da articulação.

Anúncios

4 comentários sobre “MBL vai requerer impeachment de Lewandowski

  1. Muito bem MBL, alguém tem que fazer alguma coisa para reverter, URGENTE essa situação, o Brasil tem que demonstrar que age conforme a Constituição

  2. Já era de se esperar que isso acontecesse.A passividade do Ministro Lewandowski, já mostrava que não haveria seriedade,honestidade,severidade na condução do processo.O povo brasileiro não tem que protestar contra o impeachment,mas sim contra a manobra descabida e desonesta para favorecer a todos os políticos corruptos que estão sendo investigados pela roubalheira que fizeram neste país.

Deixe uma resposta