Rede, de Marina, está por trás do ataque jurídico ao procurador Marcelo

A tática de assédio jurídico é baseada em lançar processos sem fundamento sobre os indivíduos com o fito de fazê-las perder tempo. O objetivo é aterrorizar e incomodas as vítimas. Do Rede, partido de Marina Silva, o senador bolivariano Randolfe Rodrigues (Rede-AP) participou da trama de criar artifícios para lançar dúvidas sobre a lisura do processo de impeachment através de uma campanha de difamação contra o procurador do Tribunal de Contas da União (TCU) Júlio Marcelo de Oliveira.

Randolfe se aliou a outros petistas para enviar ao Ministério Público Federal, nesta terça-feira (30), um pedido de investigação contra as duas testemunhas de acusação ouvidas no julgamento final do Impeachment. Segundo o senador da Rede, o procurador Júlio Marcelo de Oliveira e o auditor Antônio Carlos Costa D’Avila atuaram “de má-fé” para incriminar Dilma.

O próprio Randolfe confirmou que uma representação contra ambos foi enviada à Procuradoria-Geral da República (PGR), ligada ao Ministério Público Federal. Outro pedido de investigação contra Júlio Marcelo foi enviado ao Conselho Nacional do Ministério Público. Como se prevê na tática de assédio jurídico, o objetivo é atuar com quantidade para forçar o oponente a perder tempo tentando se defender.

A alegação estapafúrdia de Randolfe é que Júlio Marcelo e Antonio Costa D’Ávila “não cumpriram com os deveres” e, por isso, devem ser investigados por “prevaricação, falso testemunho, deslealdade às instituições, violação do dever de parcialidade e dos deveres funcionais”. Randolfe alega querer que os dois sejam punidos com a perda da função pública, em razão de um suposto falso testemunho. Mas geralmente, em termos de assédio jurídico, o objetivo é geralmente trazer incômodo para o adversário.

Marina Silva ainda não deu explicações à imprensa a respeito desta crueldade praticada por um dos líderes de seu partido.

Anúncios

9 comentários sobre “Rede, de Marina, está por trás do ataque jurídico ao procurador Marcelo

  1. Tanto o tal randolf e esse discarada do lindiberg e outros patifes do PT e da política estão com seus dias contados, o povo brasileiro está cansado dessas tralhas e saberá trata_los com rigor,e muito breve cairão no mar do ostrcismo

  2. Marina vc só ganhou voto nas últimas eleições era só de protesto, não fica se achando, não temos mais confiança nos políticos e justiça desde pais, e triste que nem advogado, juízes sabem interpretar as leis brasileiras, vai o que a cabeça do juiz decidir e pronto.

  3. Pessoal a rede do petistabolivariana se estendeu a partidos nanicos que se veem sempre a segundo plano e agindo como as hienas em seu habitat,como meio de sobrevivência….sem o qual morreriam de fome………..temos que ficar atentos a
    isso.

  4. Jornal de direita deve ser dos menino do pmdb o mbl kkkk criando uma gerção de liberais que busca somente se auto financiar capitalistas sem capital dando gope filantropico! replicando as paginas dos verdadeiros profissionais!

  5. O Brasil esta se lixando para a opinião desses crapulas ordinarios…….despeito e inveja de pessoas de bem, é tipico de criminosos corruptos….. o Brasil apoiou o impeachment e ficou feliz com o resultado……. Fora PT…..

Deixe uma resposta