Bela notícia: ditador Maduro diz que vai congelar relações com Brasil

O Valor Econômico traz uma ótima notícia para o Brasil: o governo ditador da Venezuela disse que irá retirar seu embaixador do Brasil e congelar as relações com o país por conta do afastamento definitivo da golpista Dilma Rousseff da Presidência.

Em comunicado, Caracas tentou transferir aos senadores brasileiros o que ele sempre faz, e daí adotou a costumeira narrativa dizendo que o processo legal de impeachment foi “um golpe”.

Nicolás Maduro, ditador atual da Venezuela, assim como Hugo Chávez, ex-ditador venezuelano morto em 2013, são aliados históricos do PT e mantiveram conluios com os petistas durante as administrações de Lula e Dilma.

Por outro lado, o Departamento de Estado dos Estados Unidos disse que está confiante de que as relações bilaterais com o Brasil continuarão fortes após o impeachment. Na opinião do porta-voz do Departamento de Estado, John Kirby, as “instituições democráticas brasileiras atuaram de acordo com a Constituição do país”.

Outras ditaduras bolivarianas, como Equador e Bolívia, também estão congelando as relações com o Brasil, o que é notícia ainda melhor.

Anúncios

8 comentários sobre “Bela notícia: ditador Maduro diz que vai congelar relações com Brasil

  1. Acabou o mu mu!!! Estes paízinhos quebrados, já mamaram nas tetas do Brasil, agora que a teta secou, eles caem fora!!! Que notícia boa, pois não trouxeram nenhum benefício ao nosso país. FORA!!!!!!

  2. O Brasil por ser o maior pais da América Latina deveria intervir nem que fosse militarmente na Venezuela uma vez que o povo esta sofrendo e sendo mortos e presos por este ditadorzinho porqueira garanto que o Brasil receberia apoio internacional e ao mesmo tempo demonstrar sua força bélica e por estes vagabundos em seus devidos lugares

Deixe uma resposta