Ana Amélia diz que plebiscito golpista proposto por Dilma é “autodeclaração de incapacidade”

Depois de destruir o discurso da presidente afastada Dilma Rousseff no julgamento do impeachment, a senadora Ana Amélia (PP-RS), rebateu a proposta golpista de realização de um plebiscito para novas eleições. Inicialmente defendido por Marina Silva, a proposta agora é defendida com unhas e dentes pela presidente Dilma Rousseff.

“Se a presidente é tão capaz de voltar ao mandato e luta para isso, porque pedir um plebiscito? Isso para mim é uma autodeclaração de incapacidade”.

Ana Amélia também afirmou que a narrativa do golpe está cada vez mais fragilizada. Para a senadora, Dilma está abandonada por um partido que tenta sobreviver nas eleições de 2016, e que por isso inventam a narrativa do golpe. Para ela, tudo não passa de invenção de quem muda de postura de acordo com a conveniência. Ana Amélia cita por exemplo, o fato do PT ter pedido impeachment de todos os presidentes antes de Lula. “Será que naquela época não era golpe?”

Anúncios

Um comentário sobre “Ana Amélia diz que plebiscito golpista proposto por Dilma é “autodeclaração de incapacidade”

Deixe uma resposta para Marlene Cancelar resposta