Confessando que R$ 2,6 bi foram torrados na EBC, blogueiro petista reclama do possível fim do órgão

O blogueiro petista Eduardo Guimarães (candidato a vereador em São Paulo pelo PCdoB) anda muito irritado com o possível fim da EBC Brasil. Segundo Guimarães, “controlada pela União, a Empresa Brasil de Comunicação (EBC) está ameaçada de perder seu principal braço público de rádio e TV. Michel Temer enviou ao Congresso projeto de lei reduzindo a atuação e os custos da empresa.”

Ele prossegue: “A ideia da equipe de Temer é fechar a TV Brasil e reduzir as demais linhas de negócio da empresa – agência de notícias, produção independente de conteúdo, monitoramento de mídia e o portal, entre outras.”

Esta informação é reveladora, ainda segundo Guimarães: “A mudança na lei da EBC, se consumada, permitirá o fim do conselho curador, grupo formado por 22 integrantes com mandatos de dois anos que tomam as decisões mais importantes da companhia. Com isso, os golpistas pretendem pôr fim ao mandato do presidente da empresa, Ricardo Melo.” A constatação apavora o blogueiro: “Caso essas medidas sejam aprovadas, Melo, indicado por Dilma Rousseff, deixará o cargo definitivamente.”

É assustador notar que Guimarães não se envergonha de confessar que a EBC gastou até hoje R$ 2,6 bilhões de reais. Chega ao cúmulo de apelar ao dinheiro enfiado na entidade como argumento para mantê-la: “Você pode gostar ou não da TV Brasil, mas não pode aceitar que joguem fora tudo que foi investido nela.”

Em uma época na qual se discute o financiamento empresarial de campanhas, sugerir que o governo continue gastando dinheiro público em uma emissora que só serve para fazer campanha para um partido é até ofensivo aos brasileiros.

Anúncios

5 comentários sobre “Confessando que R$ 2,6 bi foram torrados na EBC, blogueiro petista reclama do possível fim do órgão

Deixe uma resposta