Aliado de Dilma, Telmário pode votar pelo impeachment

O Antagonista publicou uma entrevista com o senador dilmista Telmário Mota, que desabafou: “Vou abrir meu coração para você. Vou lhe dizer da minha dor: a minha razão me manda votar pelo impeachment, mas meus princípios ideológicos ainda estão falando o contrário. Você está entendendo? Estou vivendo um atrito pessoal.”

Telmário ainda se diz indeciso, mas afirmou que se a votação fosse na sexta-feira, votaria pelo afastamento definitivo de Dilma Rousseff. No entanto, diz que só tomará a decisão final após ouvir a petista no Senado, na próxima segunda-feira.

Ele mandou a chinelada para cima da presidente afastada: “Ela perdeu a governabilidade, completamente. Rapaz, vou lhe dizer uma coisa: era o Temer, sabia? Era o Temer quem atendia a gente, era o Temer quem fazia todos os acordos políticos com a base. Era o Temer, rapaz… Foi por isso que eles do PMDB não tiveram nenhuma dificuldade para tirar o tapete dela.”

Telmário também se disse traído: “O PT me traiu, o PT não foi parceiro. E na política, parceria é uma via de mão dupla”, acrescentou o pedetista. A reclamação é que o PT não apoiou o candidato dele à Prefeitura de Boa Vista, que aparece em segundo lugar nas pesquisas. O nome do PT está em último, segundo o senador.

Anúncios

6 comentários sobre “Aliado de Dilma, Telmário pode votar pelo impeachment

  1. Temário vote a favor do impeatchman e o Brasil vai lhe agradecer. O PT já era e sempre irá te envergonhar. Não entre na deles. São corruptos São ladrões. São baderneiros.

  2. que Deus é nossa senhora nos livre desses petralhas a Dilma é tão hipócrita que quer que acreditamos que tudo o que ela roubou não é crime nojenta

Deixe uma resposta