Veja as principais perólas do início do julgamento de Dilma

 

O site Congresso em Foco criou uma lista com as principais pérolas dos senadores no dia de hoje, em uma tumultuada sessão no Congresso para discutir a etapa final do impeachment de Dilma Rousseff. Veja alguns exemplos:

  1. Um dos pontos altos do dia foi quando Ronaldo Caiado respondeu Gleisi Hoffmann fazendo referência ao seu marido, Paulo Bernardo, acusado de um esquema de corrupção contra aposentados do setor público. “Não sou assaltante de aposentado”, disse o senador para a petista, que ficou fula da vida.
  2. Ronaldo Caiado protagonizou outra cena épica quando o senador Lindbergh Farias, em tom histérico, começou a atacá-lo e chamá-lo de canalha. Fazendo referência ao passado do senador, Caiado disse: “Tem que fazer antidoping. Fica aqui cheirado não.”
  3. Após ter criticado senadores do PMDB por conversarem com Michel Temer – o que, aliás, é perfeitamente normal – o senador Lindbergh ouviu uma resposta dura de Magno Malta, que falou: “Quer dizer que o Presidente do Senado tem que dar satisfação com quem ele jantou, com quem ele almoçou? Senador Lindbergh, quantas vezes o senhor almoçou com Dilma? O senhor é juiz! Quantas vezes o senhor se reuniu com Dilma?”
  4. Após ter sido acusada, por Fátima Bezerra, de estar a serviço do PSDB, Janaína Paschoal deu uma resposta no mínimo interessante. Ela disse: “Eu sou uma advogada. Se tivesse sido contratada para oferecer esta denúncia recebendo por isso, não teria nenhuma vergonha em dizer que isso aconteceu (…). Peço aos parlamentares que vêm me ofendendo reiteradamente nesta Casa cessem com as inverdades.”
  5. Certamente o troféu do dia vai para Gleisi Hoffmann, que logo pela manhã cometeu um ato falho ao dizer que nenhum dos senadores tem moral para julgar o impeachment. Ela falou: “Aqui não há ninguém com condições de acusar ninguém, nem de julgar. Por isso, dizemos que é uma farsa. Qual é a moral deste Senado para julgar a presidente da República?”
  6. Gleisi Hoffmann faz dobradinha no pódio por conta de uma resposta dada por Lewandowski, que após seus escândalos disse à senadora: “Quem preside aqui sou eu, não o senador Renan Calheiros. Quem preside aqui sou eu!”

 

 

 

 

Anúncios

8 comentários sobre “Veja as principais perólas do início do julgamento de Dilma

  1. Isso não é um parlamento são vários corruptos julgando outros, quero vez de no julgamento do Eduardo Cunha vai ter essa disposição do PMDB em defender esse que é o câncer da nação.

  2. É um circo, só que agora os palhaços que apanham são do PT… “Quem tanto atirou pedra no telhado dos outros, mal sabia que tinha telhado de vidro…” A Gleise Hoffmann está se demonstrando ser uma Pinóquio com aquele nariz arrebitado e a cara de pau de quem não reconhece que que nem ela tinha moral.

    1. O SENADOR CAIADO TEM RAZÃO. SE FIZER UM EXAME ANTI DOPING NESSAS MULHERES QUE DEFENDEM A DILMA E NO LINDEBERG, ELES NÃO PODEM NEM ENTRAR NO SENADO. A TAL GLEISE ENTENDE QUE O SENADO É A COZINHA DE SUA CASA. AGRIDE A SI MESMA QUANDO DISSE QUE O SENADO NÃO TEM MORAL PARA JULGAR O IMPEACHMENT…

  3. Vergonha Nacional. Os senadores do PT deveriam, todos, terem feito exames antidoping. Defender o que não tem defesa é coisa de gente que viaja.

  4. É lamentável o que o PT fez com o Nrasil!
    Poderíamos ser um dos mai lindos e progressistas paixões do mundo.
    Tenho pequena empresa e vivo com empresários.
    Eu e muitos temos a sensação é de somos os vilões do pais.
    Montar empresa hoje é ter muita coragem, quando deveria ser o contrário.
    Escuto comentarios de economistas de todos os dias estão descobrindo rombos e mais rombos nós setores públicos.
    E está turma ainda quer se defender, se julgar inocente?
    Vamos retomar a situação e, com o tempo, recuperar os “estragos” econômicos gerados por este partido, além do enriquecimento de seu seguidores.

Deixe uma resposta