Dilma decidiu fugir do púlpito na sessão do impeachment

Alguns até se surpreenderam com a decisão de Dilma de comparecer ao Senado para o julgamento do impeachment, dado que ela se acostumou a fugir.

Para não perder o costume, a presidente afastada decidiu discursar no julgamento do impeachment na Mesa do Senado e não no púlpito.  Ela ficará posicionada ao lado do presidente da sessão, o ministro Ricardo Lewandowski, presidente do STF.

É uma decisão curiosa, pois muitos dizem que a presidente afastada pretende fazer uma encenação teatral e chorar. Logo, precisaria de uma posição de maior visibilidade, ou seja, o púlpito.

É possível que ela mude de decisão mais uma vez e resolva usar o púlpito para chorar. Isso talvez dependa de alguns ensaios. A ver.

Anúncios

Um comentário sobre “Dilma decidiu fugir do púlpito na sessão do impeachment

Deixe uma resposta