Grupo Folha indo pro buraco: PagSeguro e outros serviços do UOL à venda

Parece que ter se dedicado por tanto tempo a propagandear as maravilhas do bolivarianismo é algo que não está dando muito certo para o Grupo Folha. A cada dia que passa a organização de mídia pró-PT está perdendo leitores.

Como diz o ILISP, o Grupo Folha enfrenta crises por todos os lados. Agora decidiram colooar à venda o segmento de serviços do UOL, que inclui Pagseguro, Shopping UOL e outros serviços menores, em um negócio orçado em R$ 1 bilhão.

O banco Rothschild está assessorando a venda, que não inclui a área de conteúdo do UOL, que tem como utilidade manter o segmento de mídia em existência.

A circulação diária média do jornal caiu de 239 mil jornais em dezembro de 2013 para 166 mil em abril de 2016, uma queda de 30% em menos de três anos. A queda na circulação diária média da versão impressa não foi acompanhada por um grande aumento na versão digital do jornal, com a circulação digital subindo apenas 2%, de 134 mil em dezembro de 2014 para 137 mil em abril de 2016.

Anúncios

2 comentários sobre “Grupo Folha indo pro buraco: PagSeguro e outros serviços do UOL à venda

  1. Eu sei como resolver o problema de queda nas vendas e consequente perda de mercado do Grupo Folha. É só pedir ao Datafolha para fazer uma pesquisa sobre a circulação dos jornais e sobre a venda do digital, o crescimento estatístico, guardado o desvio de 2% para cima e 2% para baixo, vai ser vertiginoso. Pronto, simples assim !!!!!!

  2. Eu, particularmente, cancelei minha assinatura da Folha quando percebi o viés petista/comunista do veículo de comunicação. Isenção é o que eu pediria. Então, assino outros periódicos que não são tendenciosos. À Folha recomendo ofertar suas assinaturas nas fábricas e sindicatos.

Deixe uma resposta