Moro dá cala boca em defesa de Lula: rejeita recurso e afirma sua competência

As tentativas de Lula de fugir de Sérgio Moro na Lava Jato estão se tornando cada vez mais ridículas. Não tem jeito: o juiz curitibano é responsável na primeira instância do Judiciário pelos processos decorrentes da Operação Lava-Jato.

Conforme diz o site Ucho.info, após mais uma investida da defesa dos advogados, Moro decidiu nesta terça-feira (16) que é sua a competência para julgar o lobista-palestrante, que é investigado nos casos do sítio em Atibaia e do apartamento triplex em Guarujá.

Foram seis páginas de um despacho, suficientes para deixar claro que as tentativas da defesa de Lula são “inadmissíveis”. É assim que Moro classificou as exceções de incompetência arguidas pelos advogados para tirar das mãos do magistrado os inquéritos da Polícia Federal que investigam se Lula “seria o arquiteto do esquema criminoso que vitimou a Petrobras”.

A queda de braço entre Moro e Lula já dura cinco meses, tendo início em 4 de março passado, quando foi deflagrada a Operação Aletheia (23ª fase da Lava-Jato) e o juiz determinou que o petista fosse conduzido coercitivamente para depor.

Mas a derrubada definitiva da tirania petista aconteceu quando, dias depois, Moro publicizou os grampos telefônicos em que Lula foi flagrado em conversas com ministros e a presidente afastada Dilma Rousseff discutindo como obstruir a justiça.

Anúncios

2 comentários sobre “Moro dá cala boca em defesa de Lula: rejeita recurso e afirma sua competência

  1. Eu acompanho desde o início e eu acho que já está passando da hora do juiz serjo moura mandar prender este ladrão e tomar tudo o que adquiriu de robô , fazer como fasem com traficante. Não tomam tudo .

Deixe uma resposta