Carta truque de Dilma “é um delírio”, diz Reinaldo. Petista Kennedy também diz que não vai funcionar.

Finalmente saiu a carta truque de Dilma Rousseff, tratada como se fosse um delírio completo pelo comentarista Reinaldo Azevedo. Ele transformou a carta em pó em vídeo que você pode ver ao fim deste post.

Mas até o jornalista petista Kennedy Alencar reconheceu que a carta foi um tiro no pé. Segundo ele, “nos bastidores, senadores petistas avaliaram que a carta da presidente afastada, Dilma Rousseff, chegou tarde demais e que não mudará votos”.

Ele reconhece que o impeachment da petista deverá ser aprovado até o fim do mês.

O presidente em exercício, Michel Temer, nem deu bola para a carta. Para Kennedy, “essa mensagem de Dilma deve ser vista mais como uma defesa de sua biografia”.

Kennedy lembra que a proposta de plebiscito para antecipar a eleição presidencial de 2018 “foi bombardeada até por Renan Calheiros, o presidente do Senado, que era o último grande aliado de Dilma, passou recentemente a apoiar Temer”.

Fim de feira para Dilma.

Anúncios

2 comentários sobre “Carta truque de Dilma “é um delírio”, diz Reinaldo. Petista Kennedy também diz que não vai funcionar.

  1. Sabe qual é a parte mais irônica disso? que caso os senadores não aprovarem o impeachment para termos o tal plebiscito, eu aposto o que tu quiser que ela iria enrolar até 2018 e não fazer merda de plebiscito nenhuma e continuar lá enchendo os bolsos de dólares.

Deixe uma resposta