Dentista é assassinado por pichadores

Na madrugada do último sábado, dia 6, um dentista foi espancado e morto por pichadores em São Paulo. O pai da vítima, de 76 anos, também foi espancado, mas sobreviveu. No momento o caso é investigado pelo 33º Distrito Policial.

Pichações têm sido usados frequentemente como forma de ataque. Militantes políticos em algumas regiões do país têm feito pichações contra o governo interino de Michel Temer, e na última semana até a deputada Jandira Feghali apareceu pichando um muro nas proximidades da arena olímpica.

De acordo com a Secretaria de Segurança Pública de SP, a vítima fatal foi Wellington Silva, de 39 anos, no bairro do Jaraguá. O crime aconteceu perto das 2 horas da manhã, quando o dentista e seu pai foram tirar satisfações com os arruaceiros que pichavam a casa.

Anúncios

Um comentário sobre “Dentista é assassinado por pichadores

Deixe uma resposta