“Honestidade de Dilma é tão real quanto a de Lula”, diz Augusto Nunes

 

“Por que João Santana e Mônica Moura saíram da cadeia? A resposta está na página 47 da edição de VEJA desta semana. ELA SABIA DE TUDO”, assim começa o artigo de Augusto Nunes.

De fato, a delação de João Santana e Mônica Moura deu à Polícia Federal informações suficientes para que o casal fosse liberado da prisão. Claro, eles não estão completamente livres da lei. No momento, respondem processo em liberdade e vão aguardar sentença. Mas se foram liberados, é porque devem ter dado para a força-tarefa da Lava-Jato algo com o que trabalhar.

Nunes continua, dizendo que Santana “vai apresentar aos procuradores documentos que comprovam o envolvimento de Dilma em numerosos atos ilícitos.” E vai mesmo.

O jornalista ainda nos lembra de que Dilma, desde a delação de Santana e sua esposa, já não tem mais aquele tom seguro e prepotente de outrora. E apesar de ter dito de imediato que nunca autorizou caixa 2 na campanha, cinco dias depois resolveu jogar a bomba para o partido, alegando que foi algo feito pelo PT e não por ela.

O cerco se fecha. Há rumores de que ninguém tem dormido em Brasília.

 

Advertisements
Anúncios

Deixe uma resposta