Barraco de Vanessa Grazziotin interrompe sessão da Comissão do Impeachment

Na sessão da Comissão do Impeachment que será debatido o relatório apresentado pelo senador Antonio Anastasia recomendando a cassação do mandato da presidente Dilma Rousseff. Os votos favoráveis ao parecer do relator já são maioria, o que torna inviável a defesa da presidente. Cientes dos fatos, os senadores que apoiam a presidente afastada Dilma estão tumultuando os trabalhos há mais de uma hora.

Após o senador Raimundo Lira iniciar o debate, a senadora Vanessa Grazziotin fez um pedido de ordem. Na hora de apresentar seus argumentos, a senadora começou a discussão sem respeitar a ordem de inscrição. Apesar dos pedidos de senadores recomendando que a ordem fosse respeitada, a senadora comunista começou a gritar descontroladamente alegando que seu pedido tinha privilégios.

No meio da confusão, a senadora quis se impor por meio do grito. A única saída encontrada pelo senador Raimundo Lira foi interromper a sessão. A estratégia dos defensores de Dilma é justamente essa: postergar o impeachment enquanto for possível, para que o presidente Michel Temer não consiga tomar medidas econômicas importantes para combater a crise. Dessa forma, o PT terá discurso contra o governo nas eleições de 2018. Apesar disso, o próprio presidente do senado Renan Calheiros já indicou que a votação final irá acontecer o quanto antes, nem que seja necessário realizar sessões no final de semana.

Assista  partir dos 50:00 min

Anúncios

7 comentários sobre “Barraco de Vanessa Grazziotin interrompe sessão da Comissão do Impeachment

  1. Aa verdade é uma só se teve uma época em que o povo honesto e trabalhador passou uma vida boa, emprego, PIB de 10porcento, inflação zero, foi na época dos militares, a melhor coisa que aconteceu na época foi ter expurgado os comunistas e o que está acontecendo hoje, novamente o expurgo destes malditos comunistas e rogo que sejam riscados do mapa, PT vai pro diabo que o parta

    1. Nojo desses políticos, um pior que o outro, mas defender o indefensável. A Dilma cometeu o crime, e o povo que trabalha é que vai pagar essa conta, como sempre, tem entrar nesse senado, e tirar a tapas esses ptralhas, a chute e pontapés!

  2. O pres. comissão suspende sessão 2min. e convoca Grazziotin à sua sala, se levanta e some na sua sala, mas Grazziotin, prá não obedecê-lo, senta-se ao lado de Anastazia, (primeiro na cadeira do pres., depois muda de lugar), puro desrespeito, soberba, empáfia.

  3. Essa gente inútil não está interessada no progresso do país nem na resolução dos problemas do nosso povo…repetem e repetem a mesma coisa o tempo todo, do mesmo jeito que fez a imprensa vendida/ comprada repetindo e repetindo as calúnias inventadas por Lulalau contra quem acatou o impeachment na Câmara e contra o único adversário PMDBistas contra os petralhas…Cunha que trabalha desde os 14 anos e nunca cortou seu dedo pra ficar encostado como fez esse maior ladrão do país… Lulalau…

Deixe uma resposta