Lula depõe e diz que Delcídio ”mentiu”. Tática pode ser tiro no pé

O ex-presidente Lula, em um depoimento prestado à PGR no mês de abriu, negou ter participado do esquema para comprar o silêncio de Nestor Cerveró – caso que lhe tornou réu na Lava-Jato. O depoimento foi tornado público pela 10ª Vara Federal em Brasília, e nele Lula diz que Delcídio mentiu.

Tecnicamente, o que importa neste tipo de caso são as evidências. A delação por si só não prova nada. Assim, é bastante provável que haja evidências suficientes para que tenham tornado Lula em réu, e isso significa que se ele continuar dizendo que Delcídio mentiu, é possível que o ex-senador delate ainda mais coisas. A palavra de Lula contra a de Delcídio, juridicamente, tem o mesmo peso, mas se o ex-senador tiver as provas para o que diz, Lula tem muito a perder.

Delcídio Amaral era senador pelo Partido dos Trabalhadores até pouco tempo. Após ter assinado o acordo de delação premiada, o partido o expulsou e, pouco tempo depois, o Senado Federal cassou seu mandato.

Anúncios

Um comentário sobre “Lula depõe e diz que Delcídio ”mentiu”. Tática pode ser tiro no pé

  1. Até que enfim a máscara caiu, nunca confiei em uma só palavra deste, que nunca me representou, nem tão pouco reconhecia como Presidente, além de mal educado, xulo, não tem postura adecuada de presidente!!!!!

Deixe uma resposta