Polícia ocupa Palácio Capanema no Rio e encerra invasão pró-PT

A Policia Federal desocupou o Palácio Capanema, no Rio de Janeiro, na manhã desta segunda-feira (25/7). A reintegração de posse tem o objetivo de retirar manifestantes simpáticos ao Partido dos Trabalhadores. Os militantes haviam invadido o prédio após o anuncio da fusão do Ministério da Cultura com o Ministério da Educação.

Os agentes chegaram ao prédio por volta de 6 h.  Cerca de trinta ocupantes ainda se encontram no pilotis do edifício, onde negociam a saída com a polícia. As informações são do jornal Folha de São Paulo.

Na página do movimento houve demonstrações de desacato à decisão da justiça, com militantes convocando simpatizantes da invasão para o local. A deputada Jandira Feghali também esteve no local, questionando a reintegração de posse. Apesar do motivo da invasão ser o fim do Ministério da Cultura, a ocupação ilegal daquele espaço público foi mantida mesmo após a recriação do MinC. Outras ocupações acontecem em São Paulo, Brasília e Porto Alegre.

Anúncios

Um comentário sobre “Polícia ocupa Palácio Capanema no Rio e encerra invasão pró-PT

  1. Estes Petistas Não noção de nada, irão se enterrar juntos com Dilma, Lula e Cia. Não vão conseguir nada…..Esse bando de vagabundos tem que arrumar um trabalho digno e pararem de parasitar o povo brasileiro…. Criem vergonha nesta cara vermelha…..Não basta os roubos e apropriação indébita dos cofres públicos, Caixa 2….. e etc….. Já comprovada pelos próprios Petistas presos….. Chega…… basta de podridão…. Tem que fazer uma limpeza…

Deixe uma resposta