Após revelação de marqueteiros, Dilma deve deixar impeachment de lado para se defender de prisão

Em entrevista à Rádio Jornal de Pernambuco, a presidente afastada Dilma Rousseff afirmou que não autorizou pagamento de caixa 2 durante sua campanha. “Na minha campanha eu procurei sempre pagar valor que achava que devia. Se houve pagamento (de caixa 2), não foi com meu conhecimento”, declarou a petista.

A devastadora revelação do casal de publicitários Mônica Moura e João Santana mudam completamente o cenário e as opções para a presidente afastada. Apesar de defender publicamente o seu retorno ao Palácio do Planalto, a presidente já não estava mais empenhada em retornar ao cargo, adotando o discurso das novas eleições. A estratégia adotada pelo Partido dos Trabalhadores em conjunto com aliados e movimentos sociais nos últimos dias passou do não ao impeachment para a convocação de novas eleições. Por se tratar de opção inviável por ferir a legislação, era um sinal de força e articulação para a militância. Com a delação dos marqueteiros, o cenário para a petista se torna nebuloso. Para completar, a presidente ainda terá que lidar com a delação de Marcelo Odebrecht, cujas primeiras informações já sugerem participação ativa da petista dentro da organização criminosa.

Nos bastidores de Brasília se fala sobre as poucas opções para Dilma, que terá que dividir o tempo entre defender o seu mandato e o partido nas vésperas das eleições municipais. Agora com a revelação dos marqueteiros, a presidente terá que se defender de uma eventual prisão. Isso porque após a conclusão do impeachment, a presidente perde o foro privilegiado. Sua situação ainda é mais delicada do que a do ex-presidente Lula porque não conta com o mesmo apoio do fundador do partido dentro da militância, e terá que se mobilizar quase que sozinha diante da justiça.

Anúncios

2 comentários sobre “Após revelação de marqueteiros, Dilma deve deixar impeachment de lado para se defender de prisão

  1. Va pro diabo que te carregue ordinaria, vive dizendo que foi vitima da ditadura , mentira maior vitima da sua ditadura foram os 12 milhoes de desempregado, gente que morreu por causa do caos na saude e assim por diante, coisa do destino os militares te prendeu poque segundo a sua lenda lutava pela democracia e agora a tão falada democracia ira julga-la e quem sabe po=la na cadeia de onde deveria ter mofado.

Deixe uma resposta