Sem maiores explicações, Lula diz resolver a crise emprestando R$ 500 para cada pobre

Durante visita à Petrolina, o ex-presidente Lula sugeriu uma possível saída para crise econômica brasileira, segundo o G1.

Ele afirmou: “Para mim, eu outra vez abriria a linha de crédito para os pobres, querem comprar um carro vão comprar, querem comprar televisão vão comprar. Eu colocaria dinheiro na mão do povo pobre, porque se a gente colocar uma política de financiamento de crédito de R$ 500 para cada pessoa, esse dinheiro vai virar comércio e vai gerar emprego e vai girar a economia brasileira, porque não dá para economia andar sem dinheiro circulando”

O ex-presidente não explicou como isso resolveria a crise econômica, uma vez que nada seria feito para reduzir o desemprego. Com um financiamento desse tipo para pessoas desempregadas, a tendência é que isso geraria mais pessoas endividadas. Ele também não explicou porque não elaborou esse programa de empréstimo em sua gestão e nem porque sua sucessora, Dilma, não o fez.

Sequência do governo Lula, o governo Dilma levou o Brasil a um número assustador de quase 12 milhões de desempregados.

Advertisements
Anúncios

4 comentários sobre “Sem maiores explicações, Lula diz resolver a crise emprestando R$ 500 para cada pobre

    1. Como já é do conhecimento de todos.. Ele deveria começar dividindo aquele dinheiro que ele robou e escondeu, estaria apenas devolvendo o que já pertence ao povo brasileiro.

Deixe uma resposta