“Me faz dar gargalhadas”, diz Temer, sobre narrativa de Rui Falcão

O presidente em exercício reagiu de forma irônica ao saber que o presidente nacional do PT, Rui Falcão, o chamou de “usurpador”. Temer disse: “Me faz dar gargalhadas.”

Conforme aponta o Estadão, Falcão tem utilizado essa narrativa repetidas vezes para se referir ao governo de Temer, que assumiu interinamente a Presidência da República enquanto Dilma Rousseff está afastada por 180 dias, devido ao processo de impeachment.

A afirmação de Falcão não é amparada pelos fatos, uma vez que a legislação eleitoral brasileira prevê apenas a votação em uma chapa, com candidatos à presidência e vice-presidência. Não há possibilidades, pela lei vigente, de votar apenas em um dos dois. Logo, todos os que votaram em Dilma automaticamente votaram em Temer.

A legislação também prevê que em caso de afastamento do presidente, o vice-presidente deve assumir. Não existe nenhum precedente legal para que, em caso de substituição de Dilma, o cargo fosse assumido por algum militante do PT, por exemplo.

Até o momento, Falcão não deu explicações para ter tentado julgar a questão por uma legislação eleitoral inexistente no país.

Advertisements
Anúncios

6 comentários sobre ““Me faz dar gargalhadas”, diz Temer, sobre narrativa de Rui Falcão

  1. Até que enfim será votada uma lei que para exercer cargos de alta relevância no Brasil, no minimo o candidato terá de ter o terceiro grau! Então este tipo de comentário por desconhecimento da Lei, não ocorrera mais.

  2. Rui Falcão tem de ir pra cadeia junto com lula ,dilma e o resto da quadrilha.Não esqueçam do Marco Aurelio Garcia e do Jaques Wagner!

  3. O AMADO RUI FALCÃO:

    Bom… Mas de qualquer forma, eis o PT aqui:
    Nós gritamos GOLPE por esse motivo. Veja:
    [Assim como gritamos: “Coca-Cola dá mais VIDA!”]
    A Dilma está é aqui: um produto a ser vendido e consumido. Comprado, mesmo que seja sem dinheiro. Apenas isso. E haja publicidade! Veja. Eis:
    “não há marketing ou propaganda capaz de ESCONDER a grave realidade do Brasil”
    ¡Há sim! Claro que há! Eis:
    Danoninho, PT, Lula, Dilma, Requião, RUI FALCÃO, Santana, pseudo-intelectual:
    O PT sempre será perfeitamente astuto e sutil, quase invisível em seu ilusionismo ao utilizar todos tipos de clichês. Pratica qualquer NARRATIVA para estar no poder. Narrativas publicitárias que USURPAM o pensamento, mentes e conduz a estereótipos. Vigilância e controle ideológico. Dentro das Universidades, nas ruas, botons, autoadesivos, no trabalho, blogs espertalhões, artistas puxa-sacos, discursos manipuladores, «lavagem cerebral».
    Golpe, com toda certeza, é um clichê publicitário, é frase-pronta, imagem estereotipada e montada a priori (nessa altura, provavelmente, recomendada por algum marqueteiro, tal qual João Santana. Semelhante a ele. Senão, ele próprio): frases clichês tais quais: “Danoninho vale por um bifinho”.

    ========================================================
    Mia, bebe leite, tudo indica que é um gato; mas o PT afirma: é um cão.
    ========================================================

Deixe uma resposta