Conheça 10 grandes empresas que já abandonaram a Venezuela

Por ter levado o bolivarianismo às últimas consequências, hoje em dia a Venezuela vive aterrorizada por problemas como falta de matéria-prima, cortes de luz e água, secas e controle estatal de preços e do câmbio. Além da inflação altíssima, as pessoas estão submetida a uma forte censura e violência praticada pela ditadura de Nicolas Maduro, aliado de pessoas como Dilma Rousseff, Cristina Kirchner e Evo Morales.

A revista EXAME aponta o nome de algumas empresas que abandonaram o país, que vive sob constante racionamento de produtos.

Entre as empresas que já abandonaram o país, temos as indústrias de bebidas Pepsico e Coca-Cola, a fabricante de molhos Kraft Heinz e as empresas aéreas Gol, LATAM e Aeroméxico. A lista inclui a indústria de pneus Bridgestone e o banco Citibank. Quanto a indústria alimentícia, o exemplo citado é o da General Mills.

A lista se completa com a Kimberly-Clark que, entre seus produtos, fabrica papel higiênicos, um dos itens mais escassos hoje no país.

Advertisements
Anúncios

2 comentários sobre “Conheça 10 grandes empresas que já abandonaram a Venezuela

Deixe uma resposta