PGR quer acesso às imagens de câmeras do Planalto e perícia no termo de posse de Lula

De acordo com a Veja, a Procuradoria-Geral da República enviou uma lista de investigados por obstrução da Lava-Jato ao Supremo Tribunal Federal (STF). Entre os principais alvos estão a presidente afastada Dilma Rousseff, o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, os ex-ministros José Eduardo Cardozo, Aloizio Mercadante e o ex-senador Delcidio do Amaral. A lista também traz nomes do judiciário como o presidente do Superior Tribunal de Justiça (STJ) Francisco Falcão e do ministro Marcelo Navarro Ribeiro Dantas (STJ). Todos são suspeitos de obstrução à justiça.

Segundo a PGR, houve uma tentativa deliberada por parte dos suspeitos para obstruir a Lava Jato. Como parte do pedido elaborado pelo Procurador-Geral da República Rodrigo Janot há um pedido de perícia no termo de posse entregue ao ex-presidente Lula para que este assumisse a Casa Civil, além de um pedido de autorização para acessar as imagens do circuito de segurança do Palácio do Planalto. O objetivo da PGR é checar se o ministro Marcelo Navarro e o ex-senador Delcídio Amaral se reuniram com a presidente Dilma Rousseff para combinar estratégias para interferir na justiça favorecendo o empreiteiro Marcelo Odebrecht.

Leia nos documentos abaixo a relação dos acusados e as justificativas da PGR para pedir investigação.

Advertisements
Anúncios

Deixe uma resposta