Dilma quer adiar o impeachment para evitar Temer na reunião do G-20

A reunião do G-20, grupo que reúne as vinte maiores potências mundiais, está marcada para o início de setembro, e como Dilma sabe que tal evento tem importância simbólica e política, rumores apontam que ela esteja mexendo os pauzinhos para adiar o quanto puder a votação do impeachment, sabendo que suas chances de voltar ao planalto são nulas.

A votação final do impeachment ocorrerá em agosto, e a oposição está tentando articular para adiantá-la. Temer, como presidente -interino ou não – será o representante do Brasil perante o mundo inteiro, e sua participação no G-20 será o sepultamento moral de Dilma. É isso que a petista pretende evitar, embora seu poder de negociação com os congressistas já seja irrisório.

Anúncios

Deixe uma resposta