Ministro que soltou Carlinhos Cachoeira e Cavendish foi indicado por Gleisi Hoffmann

O contraventor Carlinhos Cachoeira, o empreiteiro Fernando Cavendish (dono da Delta), o contraventor Carlinhos Cachoeira e os empresários Adir Assad, Cláudio Abreu e Marcelo Abbud deixaram o presídio Pedrolino Werling de Oliveira (conhecido como Bangu 8), por volta das 4h desta segunda-feira (11). O ministro Nefi Cordeiro, do Superior Tribunal de Justiça (STJ), determinou a soltura dos presos na Operação Saqueador, da Polícia Federal.

Segundo informações do jornalista paranaense Esmael Morais, o ministro Néfi Cordeiro (que é do Paraná), foi indicado por Gleisi Hoffmann, senadora por aquele estado. As informações estão registradas no blog do jornalista, em matéria publicada em 12 de fevereiro de 2014. Quem confirmou as informações ao jornalista foi o ex-deputado federal André Vargas. Vargas foi cassado pela Câmara dos Deputados em dezembro de 2014 e preso pela Polícia Federal em 2015 por envolvimento com o doleiro Alberto Yousseff. “Na verdade foi esforço coletivo do PT e do ministro Félix Fischer, presidente do STJ, e da Gleisi. Todos nós trabalhamos pela indicação do desembargador Néfi Cordeiro”, disse o petista. A matéria pode ser lida aqui.

 13615296_1101665996576858_2230414309157441093_n.jpg

A notícia é considerada legítima até por conta do posicionamento do jornalista Esmael Morais, que faz parte da rede de jornalistas e blogueiros apoiadores do Partido dos Trabalhadores. A notícia causa ainda mais constrangimento ao Partido dos Trabalhadores em um momento onde a legenda é acusada de interferir nas decisões da Justiça. Para a senadora Gleisi Hoffmann em especial, afeta ainda mais sua posição, uma vez que a senadora é acusada de ter se beneficiado do esquema de corrupção na Petrobras. Recentemente o marido da senadora foi preso pela Polícia Federal na Operação Custo Brasil, e solto sete dias depois após decisão do ministro Dias Toffoli.

Anúncios

2 comentários sobre “Ministro que soltou Carlinhos Cachoeira e Cavendish foi indicado por Gleisi Hoffmann

Deixe uma resposta