Temer abrirá auditoria sobre o Porto de Mariel, construído em Cuba com dinheiro dos brasileiros

O porto construído por Lula e Dilma em Mariel, Cuba, sempre foi um tema suspeito. Ficou ainda mais suspeito quando a Operação Lava-Jato desmantelou o esquema do PT com a Odebrecht, empresa que o partido contratou para a construção.

Agora, o governo Temer abrirá uma auditoria para descobrir se houve irregularidades na obra e quantas foram, o que faz parte de um “inventário” que o presidente interino pretende fazer sobre o que recebeu de Dilma.

Esta obra custou alguns bilhões de reais, e parte dessa verba saiu dos cofres públicos quando o país já estava adentrando na crise econômica. A população e os partidos de oposição sempre questionaram tanto dinheiro sendo investido em uma construção fora do país, justo em uma ilha com a qual temos pouquíssimas relações comerciais, mas com cujo governo o PT é aproximado. O assunto ficou ainda mais intenso quando as obras da Copa do Mundo de 2014 atrasaram ou foram simplesmente abandonadas.

É provável que saiam mais coisas desse buraco.

Anúncios

Um comentário sobre “Temer abrirá auditoria sobre o Porto de Mariel, construído em Cuba com dinheiro dos brasileiros

Deixe uma resposta