Post fixo

ESCÂNDALO: Vereadora do PSOL monta mega-esquema de corrupção e desvio de verba pública, diz site

Segundo noticiou o Diário Nacional, a Vereadora de São Paulo Sâmia Bomfim do Partido Socialismo e Liberdade (PSOL) teria montado um mega-esquema de corrupção e desvio de verba pública para o seu próprio partido. A Vereadora que ficou conhecida pela “Farra dos Gastos” após torrar mais de 200 mil reais de dinheiro público em gastos mal explicados agora terá que enfrentar a justiça em seu … Continuar lendo ESCÂNDALO: Vereadora do PSOL monta mega-esquema de corrupção e desvio de verba pública, diz site

Anúncios

Assessoria de Bolsonaro responde a Henrique Meirelles e passa vergonha

Ontem, em entrevista para a Rádio Guaíba, Henrique Meirelles comentou sobre suas políticas econômicas e mostrou desconfiança com o pré-candidato à presidência Jair Bolsonaro. Segundo o Ministro, o deputado ainda não deixou clara qual seria a sua linha econômica e nem seus planos para lidar com esta que é a coisa mais importante em uma nação. A assessoria de Bolsonaro respondeu ao portal O Antagonista … Continuar lendo Assessoria de Bolsonaro responde a Henrique Meirelles e passa vergonha

Projeto que proíbe Bitcoin no Brasil foi escrito por ex-analista do Banco Central

O parecer do projeto substitutivo ao Projeto de Lei n° 2303/2015 – que visa tornar crime a “emissão, comercialização, intermediação e mesmo a aceitação como meio de pagamento” do Bitcoin e demais criptomoedas no Brasil – foi escrito por Luiz Humberto Cavalcante Veiga, ex-funcionário de um banco privado (Banorte S/A) e do Banco Central do Brasil. É o que mostram as propriedades do arquivo original do parecer no site da … Continuar lendo Projeto que proíbe Bitcoin no Brasil foi escrito por ex-analista do Banco Central

Judiciário paga R$ 105 milhões em auxílios a juízes em um mês

Em único mês, o Poder Judiciário gastou 105,27 milhões de reais em auxílios a juízes e desembargadores. A soma inclui ajudas de custo com moradia, saúde e alimentação. A Justiça estadual concentra a maior parte dessa cifra (76 milhões de reais), seguida pela Justiça do Trabalho (17,8 milhões de reais) e a Justiça Federal (11 milhões). O levantamento feito por VEJA tem como base os … Continuar lendo Judiciário paga R$ 105 milhões em auxílios a juízes em um mês

Previsão de alta do PIB passa de 1,1% para 3%

Informa a IstoÉ: O ministro da Fazenda, Henrique Meirelles, anunciou nesta quinta-feira, 14, a revisão dos parâmetros macroeconômicos da pasta para este e para o próximo ano. Para 2017, a estimativa oficial da equipe econômica para o crescimento do Produto Interno Bruto (PIB) passou de 0,5% para 1,1%. No último Boletim Focus do Banco Central, a mediana das avaliações dos analistas de mercado apontava para … Continuar lendo Previsão de alta do PIB passa de 1,1% para 3%

STF nega pedido de Aécio para suspender prazo de apresentação da defesa

O ministro Marco Aurélio Mello, do Supremo Tribunal Federal (STF), negou o pedido do senador Aécio Neves (PSDB-MG) de suspender prazo para apresentação de defesa em investigação que corre no Supremo. O tucano havia solicitado a suspensão na última segunda-feira (11), em inquérito que o investiga por corrupção passiva e obstrução de justiça. A justificativa da defesa ao ministro relator do caso era de que … Continuar lendo STF nega pedido de Aécio para suspender prazo de apresentação da defesa

Raquel Dodge vai analisar pedido de investigação contra Janot por fraude no acordo da JBS

Ao ser questionada sobre o pedido de indiciameto de Rodrigo Janot, Raquel Dodge, atual Procuradora Geral da República, disse que dará uma “análise adequada sobre o tema”. Quem entrou com o pedido de indiciamento foi o deputado Carlos Marum, do PMDB, que também pede investigação sobre Pelella e Marcelo Miller, ambos braços direitos do antigo PGR. A suspeita é que houve fraude e conspiração no … Continuar lendo Raquel Dodge vai analisar pedido de investigação contra Janot por fraude no acordo da JBS

Chiliques do general Mourão não passam de estratégia de pré-campanha para deputado

A paciência se esgotou com o general Hamilton Mourão, que há meses vem pregando “intervenção militar”, na verdade um golpe, e criticando o governo ao qual tem a obrigação profissional de prestar continência. Se fizer de novo, pode até ser preso, segundo especialistas no tema. Até quem o apoia lamenta a insubordinação, desafiando o general Eduardo Villas Bôas, comandante do Exército. Leigos não entendem como … Continuar lendo Chiliques do general Mourão não passam de estratégia de pré-campanha para deputado