Assessor de Suplicy é acusado de agredir mulher após confusão na Câmara

Um bate-boca terminou em agressões físicas e acusações de ambos os lados na Câmara Municipal de São Paulo nesta terça-feira (13) e virou caso de polícia. Um assessor do vereador Eduardo Suplicy, do PT, teria agredido assessora do parlamentar, o vereador Camilo Cristófaro, do PSB.

A moça, que precisou passar em clínica médica para imobilizar o braço (veja vídeo) acusa Leandro Ferreira de ter lhe causado as escoriações. Até então, o assessor e o próprio ex-senador negam as acusações.

Suplicy, inclusive, diz que na verdade foi Camilo Cristófaro que teria agredido seu assessor. Em vídeo veículo em diversos sites e portais de comunicação, é possível ver o vereador Cristófaro dando um tapa no celular de um indivíduo, que simula uma queda. Nenhuma agressão, porém, foi registrada.

Nas redes sociais, até agora nenhum movimento feminista se manifestou em repúdio ao caso. Veja vídeo:

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s